Alimentação anticelulite: É verdade que o tratamento começa pela boca.

A celulite, entre todas as preocupações estéticas, é considerada o vilão número 1 da beleza da mulher. É comum vermos reportagens mostrando que os homens não ligam para a celulite e que a maioria nem repara nela, só que mais que um problema estético, os furinhos denotam que algo no organismo não vai bem.

E como é difícil evitar e controlar a celulite! O principal erro das mulheres é tratá-la como uma doença que precisa de apenas um remédio para sumir, porque não é assim que funciona. Para eliminar o aspecto casca de laranja e os males estéticos e psicológicos que ele traz, é preciso investir em um trio que ataca o problema em todos os seus aspectos.

Usar um creme anti-celulite e não cuidar da qualidade da alimentação pode amenizar os furinhos, mas não vai acabar com eles. Para acelerar o processo e manter a celulite longe da sua pele, o ideal é investir no que todos os médicos indicam como a fórmula da saúde: além da força dos tratamentos estéticos, invista em uma alimentação balanceada e uma atividade física.

Comida x celulite

A celulite aparece onde há acúmulo de gordura e má circulação sanguínea, o que provoca uma fraca oxigenação das células. Por isso, é preciso tomar cuidado com o sal, já que o excesso deste mineral prejudica a eliminação de toxinas, provocando retenção de líquidos e inchaço. Alimentos muito salgados como embutidos também devem ser evitados.

E o que não pode faltar? Água! Já que o princípio da formação da celulite é o inchaço, o líquido tem extrema importância para limpar o organismo e mantê-lo hidratado. Com oito copos comuns de 250 ml de água por dia, você consegue ingerir dois litros de água e ajuda seu corpo a funcionar melhor em todos os aspectos.

Continue lendo no Bem Leve>>

Fonte: Bem Leve

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*