Páscoa chegando, saiba como controlar sua alimentação

A Páscoa está chegando e junto com ela, uma ameaça séria para o plano alimentar, afinal, as datas comemorativas são ótimas oportunidades de diversão e descanso, mas por outro lado, são períodos nos quais tendemos a nos exercitar menos e comer mais. Ou seja: um prato cheio para o ganho de peso!

A flexibilização da dieta durante a Páscoa pode se refletir de forma negativa na balança, porém, mesmo que seja difícil resistir a algumas tentações, com equilíbrio e bom senso é possível fazer boas escolhas e aproveitar a data especial sem sair da linha. Ficou curioso? Então confira as nossas dicas para controlar a alimentação!

Operação Pré-Páscoa

Pegue leve nos dias que antecedem a Páscoa, pois caso algum deslize seja cometido, esse cuidado prévio compensará os excessos do feriado. Evite o excesso de açúcares, enlatados, carboidratos e alimentos gordurosos. Os produtos processados e refinados também devem ser consumidos com moderação. Converse com o seu instrutor para reformular o treino e intensificá-lo respeitando os limites do seu corpo.

Comece pela salada

Falando assim soa até desanimador, afinal, comer folha pode não parecer muito atrativo em um feriado. Quem pensa desse modo definitivamente precisa dar uma chance às saladas ricas e variadas, que enchem o prato de cor e sabor. Certamente a opinião mudará!

Aposte em ingredientes como palmito, azeitona, milho, azeite e mussarela de búfala para dar um toque especial às receitas. Legumes cozidos e folhas cruas e crocantes também são bem-vindos. Esses alimentos, além de possuírem poucas calorias, são riquíssimos em fibras e aumentam consideravelmente a sensação de saciedade. Tome cuidado apenas com os molhos e acompanhamentos, já que alguns podem ser muito gordurosos e calóricos.

Peixe: como manda a tradição

Na sexta-feira de Páscoa, o peixe é tradicionalmente o prato principal do almoço de muitas famílias. Aderindo à tradição ou não, o fato é que os peixes são ótimas (e deliciosas) fontes de proteínas, super recomendadas durante o ano inteiro.

Vale destacar que o tipo de peixe preferido na época de Páscoa é o Bacalhau, alimento rico em fósforo, ferro, vitaminas A, D, E e do complexo B. Como o preço do Bacalhau tende a elevar nessa época, atrapalhando os planos de quem deseja fazer a típica bacalhoada, outra boa opção para não deixar de consumir peixe é escolher o Atum, ingrediente perfeito em receitas de tortas e saladas.

Continue lendo no Cia Athletica>> 

Fonte: Cia Athletica

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*