Os eleitos

A dermatologista Shirlei Borelli fala sobre seus aparelhos que mais utiliza no tratamento da celulite

Quando recebe pacientes que querem se ver livres de celulite, a dermatologista Shirlei Borelli, de São Paulo, indica sessões com aparelhos para melhorar a circulação local e favorecer a drenagem linfática, ajudando a diminuir o tamanho das células de gordura. O número de sessões e o tipo de aparelho variam de acordo com cada caso. Estes são os aparelhos que a Dra. Shirlei utiliza em sua clínica:

•Velashape – Esse aparelho possui uma tecnologia que associa quatro modalidades diferentes de tratamento. A primeira delas é a radiofreqüência, que promove o aquecimento das células de gordura. “Isso estimula o metabolismo dessas células e contribui para diminuir seu tamanho”, diz a Dra. Shirlei. A emissão de luz infravermelha, por sua vez, contribui para aumentar superficialmente a temperatura do local tratado. Já o vácuo, realizado pela pressão negativa da ponteira do aparelho sobre a pele, estimula a circulação sanguínea local e a drenagem linfática, contribuindo para diminuir a retenção de líquidos. Segundo a Dra. Shirlei, o vácuo promovido pelo Velashape ajuda na eliminação de toxinas e diminui o tamanho das células de gordura, os adipócitos. Por fim, a ponteira do aparelho também massageia a região tratada, o que tem efeito benéfico sobre a drenagem linfática. O Velashape é indicado para os casos em que a celulite aparece acompanhada de flacidez.

•Reaction – Esse aparelho também possui tecnologia de radiofrequência. “A diferença é que, no caso do Reaction, ela pode ser utilizada em canais que trabalham em profundidades diferentes, de acordo com a necessidade de cada paciente”, explica a Dra. Shirlei. A isso associam-se também os benefícios do vácuo. Assim como o Velashape, o Reaction também é indicado para pacientes que têm celulite associada à flacidez.

•SmoothShapes – Esse aparelho utiliza um tipo específico de laser e luz em comprimentos de onda diferentes para estimular a produção de colágeno, uma das fibras de sustentação da pele, o que melhora a textura e a espessura cutânea. Além disso, o aparelho estimula a circulação e a drenagem de toxinas, contribuindo para a diminuição do edema.

Shirlei Borelli
Membro da associação de dermatoogia
Contato: 3704-5500

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*